• islamedialogo1

Como Satanás Trata de Seduzir a Humanidade?

Lemos no Alcorão que quando Allah (swt) amaldiçoou Satã devido à sua arrogante desobediência, ele pediu uma trégua até o Dia da ressurreição para poder seduzir os seres humanos. Allah permitiu-lhe fazê-lo, como discutimos acima, e Satanás afirmou: “E, então,atacá-los-ei pela frente e por trás, pela direita e pela esquerda e não acharás, entre eles, muitos agradecidos!” (7:17).


O versículo significa que Satanás faz de tudo que pode para nos seduzir. Somos seres muito complexos, uma vez que Allah manifestou todos os Seus Nomes em nós. Esse mundo é uma arena de teste, onde somos treinados para que possamos servir como espelho para Allah e auferirmos a felicidade eterna. Allah nos dotou com inumeráveis sentimentos, faculdades e potencialidades para serem treinados e desenvolvidos. Se certos sentimentos e certas faculdades (isto é, intelecto, ira, cobiça, obstinação e luxúria) não são treinados e dirigidos para metas elevadas, e são usadas de maneira errônea, e se os nossos desejos naturais e apetites animais não estão restritos e satisfeitos de fora lícita, eles podem nos causar grandes danos nesta vida e na Outra.


Satanás se aproxima de nós da esquerda e, trabalhando no nosso aspecto animal, nos sentimentos e nossas faculdades, tenta nos afogar nos pecados e nas maldades. Quando ele se aproxima de nós lá frente, ele nos causa desespero quanto ao futuro, nos sussurra que o Dia do Julgamento nunca acontecerá, que o que as religiões dizem sobre a Outra Vida é mera ficção. Ele também sugere que a religião é atrasada e obsoleta e, portanto, é inútil para qualquer pessoa que vive agora ou viverá no futuro. Quando ele se aproxima de nós por trás, ele tenta fazer-nos negar a profecia e outras coisas essenciais da crença, como a existência e a Unicidade de Allah, as Escrituras Divinas e os anjos. Por intermédio de seus sussurros e sugestões, Satanás tenta interromper completamente o nosso contato com a religião e nos induzir para o pecado.


O Satanás só consegue seduzir pessoas devotas, crentes praticantes ao aproximar-se deles pela direita e tentando o seu ego e orgulho. Ele sussurra que eles são crentes maravilhosos e, gradualmente, consegue induzi-los por intermédio de presunção e o desejo de serem louvados por seus bons atos. Por exemplo, se os crentes praticam orações voluntárias no final da noite ( tahajjud) e então proclamarem que assim as outras pessoas irão elogiá-los, se eles atribuírem a suas façanhas e bons atos a eles mesmos e criticam outros em segredo, significa que eles caem sob a influência de Satanás. Essa é uma perigosa tentação para os crentes, que devem estar incessantemente alertas contra essa tática.


Outro truque de Satanás é o que conduz a coisas sem importância parecerem importantes e vice-versa. Se os crentes disputam numa mesquita sobre uma coisa secundária, tal como se alguém pode ou não usar um rosário para glorificar a Allah após as orações prescritas diárias, enquanto seus filhos estão sendo arrastados para a descrença e o materialismo ou são afogados no atoleiro da imoralidade, sendo seduzido por Satanás. Satanás sussurra incessantemente novas e originais ideias para os pecadores incrédulos, em nome da descrença, e os ensina como lutar contra a verdadeira religião e seus seguidores.


Pensamentos involuntários e fantasias. Se Satanás não consegue seduzir crentes devotos, ele lhes sussurra pensamentos e fantasias desagradáveis. Por exemplo, através de associação de ideias com ou trás, ele faz os crentes ter algumas concepções desagradáveis do Ser Divino, ou ter ideias de descrença e desobediência. Se eles resistirem a tais ideias, Satanás os incomoda tanto até que caírem na dúvida sobre a sua crença ou desesperar de levar uma vida virtuosa.


Esses involuntários e maus pensamentos, fantasias e ideias sãogeralmente o resultado dos sussurros de Satanás. Como os dois polos de uma bateria, o coração humano (por “coração” queremos dizer o local ou o centro do intelecto espiritual) dois pontos centrais ou polos. Um recebe inspiração angelical, e o outro é vulnerável aos sussurros de Satanás.


Quando os crentes aprofundam sua crença e devoção, e se eles são escrupulosos e delicados em seu sentimento, Satanás ataca-os de diferentes direções. Ele não seduz aqueles que o seguem voluntariamente e entrega-se a tudo que é transitório, mas geralmente procura crentes sinceros e devotos que tentam se elevar em altos níveis espirituais.


Outro truque é fazer bons e devotos crentes suspeitar da correção ou da validade de seus atos religiosos. Por exemplo: Será que estou praticando as minhas orações corretamente? Será que lavei as mãos ou o rosto completamente durante a ablução? Quantas vezes lavei as partes do meu corpo que deveriam ser lavadas?


Os crentes que são molestados com tais pensamentos involuntários, fantasias e dúvidas devem saber que são involuntários e que seus corações nada têm a ver com eles. Como os piratas atacam um navio do tesouro, ladrões roubam pessoas ricas, e países fortes tentam controlar países ricos, Satanás usa suas más sugestões para prejudicá-los. Os corações dos crentes se perturbam. Esse parece uma febre, para quando a temperatura sobe, anticorpos são formados no sangue do paciente para inibir ou destruir a bactéria prejudicial ou germes. Da mesma forma, aqueles com corações perturbados começam a lutar.


Isso mostra que os pensamentos e as sugestões não vêm de, e não são aprovados ou adotados pelo coração. Assim, como a reflexão de algo imundo não é imundo e não o torna sujo, e como uma reflexão de cobra não picam. Imagina que um descrente não é o mesmo que incrédulo, imaginando a si mesmo em descrer não o torna um descrente. Pode mesmo ser dito que as más sugestões de Satanás são benéficas, uma vez que conservam os crentes sempre prontos a resistir contra a tentação e continuarem sua luta contra seu eu carnal e Satanás. Isso os motiva a fazerem progresso espiritual.

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo