Home > Al-Corão Sagrado> Atribuitos do Alcorão

O ALCORÃO E ALGUNS DOS SEUS ATRIBUTOS

  A definição geral de Alcorão é a palavra milagrosa de Allah revelada ao Profeta Mohammad (que Allah o abençoe e lhe dê paz), anotada e transmitida a gerações sucessivas através de várias fontes fidedignas, cuja recitação é um ato de adoração e obrigatório nas orações diárias.

 O Alcorão descreve algumas das suas características do seguinte modo:

“O mês de Ramadan foi o mês em que foi revelado o Alcorão – orientação para a humanidade e evidência de orientação e Discernimento” (Surata Al Bácara, 2:185).

“É impossível que este Alcorão tenha sido elaborado por alguém que não seja Allah. Outrossim, é a confirmação das (revelações) anteriores a ele e a elucidação do Livro in[1]dubitável do Senhor do Universo” (Surata Yunus, 10:37).

“Revelamo-lo como um Alcorão árabe, para que raciocineis” (Surata Yusuf, 12:2).

“Em verdade, este Alcorão encaminha à senda mais reta e anuncia aos crentes benfeitores que obterão uma grande recompensa” (Surata Al Isrá, 17:9).

“Em verdade, facilitamos o Alcorão, para a admoestação. Haverá, porventura, algum que receberá a admoestação?” (54:17).

 “Este é um Alcorão honorabilíssimo, num Livro bem guardado” (56:77-78).

 

O Alcorão possui outros títulos, cada um dos quais descreve um dos seus aspectos e, portanto, pode ser considerado como um dos seus atributos tais como: o Livro, o Critério, a Comemoração, o Conselho, a Luz, a Direção, o Bálsamo, o Nobre, a Mãe do Livro, a Verdade, a Advertência, as Boas-Novas, o Livro Gradualmente Revelado, o Conhecimento e o Claro e Evidente Livro.

O Profeta (sallalláhu alaihi wasallam) declarou:

O Alcorão distingue a verdade da falsidade. Já que não foi revelado por entretenimento os que o recusem serão castigados. Nele se inclui a história de povos anteriores, resenhas do que virão mais tarde, assim como resolve desacordos. Aqueles que olham o outro lado procurando o caminho correto são extraviados por Allah, pois o Alcorão é o Firme Vínculo de Allah, a instrução sabia e o Cami[1]nho Reto. Nenhum caminho pode provocar o seu desvio, nenhuma língua pode confundi-lo e a sua repetição não aborrece nem cansa os eruditos, pois este livro contém incontáveis aspectos admiráveis. Todos os que o ouvem dizem: “Em verdade, ouvimos um Alcorão admirável, que guia à verdade, pelo quê nele cremos”. Aqueles que baseiam as suas palavras nele falam de maneira sincera. Quem quer que julgue mediante este Livro Sagrado, julgará justamente e com razão e quem quer que o invoque, invocará a verdade. Tirmizi, número de hadice: 3069

 O árabe, a língua da revelação, é o corpo externo do Alcorão. A religião, um método para unificar todas as dimensões do nosso ser, é muito mais que filosofia ou teologia. A língua árabe, portanto, um elemento essencial e inseparável do Alcorão, foi eleita para que os árabes daquele tempo o entendessem e porque uma religião universal pede uma língua universal.

O Alcorão contempla a terra como o berço da unidade humana. Procura unir todas as raças, crenças como irmãos e irmãs devotos do Allah Único. A sua língua é um fator básico que ajuda as pessoas a considerar a realidade religiosa a unir todas as dimensões de padrões Divinos. As traduções não podem ser recitadas nas orações estabelecidas, pois não podem ser idênticos à sua língua original. Sem o árabe pode-se ser um bom muçulmano, mas não se pode entender suficientemente o Alcorão.

O Alcorão é a fonte de todos os conhecimentos religiosos, espirituais, sociais, científicos, morais, legais, filosóficos e afins no Islam. Como guia para a verdade, tem quatro objetivos principais:

1) demonstrar a existência de Allah e a sua Unidade,

2) estabelecer a Missão Profética,

3) anunciar a vida futura depois da morte e

4) promulgar a devoção a Allah e expor os pontos fundamentais da justiça.

Os seus versículos, que principalmente falam extensamente destes objetivos, contêm princípios do credo islâmico, regras para a vida humana, informação detalhada acerca da Ressurreição e da vida depois da morte, como venerar Allah, a moralidade, vários feitos científicos, princípios da formação cívica, a decadência e os aspectos históricos das civilizações anteriores, etc.

O Alcorão também é uma fonte de cura, que ao se aplicá-lo durante o dia-a-dia cura quase todas as doenças psicológicas e sociais, assim como é também uma cosmologia, epistemologia, antologia, sociologia, psicologia e lei para regular a vida humana sem levar em conta tempo ou lugar. Acerca disso o Profeta disse: “O Alcorão é mais amável a Allah que os Céus e a Terra e os que neles se encontram.” (Dárimi, Sunan, 2:533)